Renan Oliveira fala sobre ‘susto’ com o coração e projeta reestreia pelo América

Depois de passar por cirurgia, jogador foi apresentado nesta terça-feira

Depois de um procedimento cirúrgico no coração, Renan Oliveira está liberado para atuar pelo América. Nesta terça-feira, o clube realizou a apresentação oficial do jogador, que assinou contrato até dezembro deste ano e terá, brevemente, a responsabilidade de ser o “camisa 10”. Em entrevista coletiva, o armador do Coelho deu resposta tranquilizadora com relação ao estado de saúde e planejou estar em campo nos próximos dias para auxiliar nos projetos de 2017. O compromisso seguinte do alviverde será no domingo, às 19h30, contra a URT, no Independência, pela segunda rodada do Campeonato Mineiro.

 

Foi um susto, né?! Graças a Deus tudo foi resolvido. Uma pequena arritmia, tudo foi resolvido. Agora é deixar os problemas para trás e focar no futebol. É seguir em frente, superar o susto e fazer um grande ano. Agora está tudo certo, graças a Deus”, disse Renan Oliveira. “É sempre um prazer vestir a camisa do América, que tem o projeto do bicampeonato mineiro, de ir bem Copa do Brasil e na Primeira Liga e de conquistar novamente o acesso à Série A. O pensamento é positivo para fazer um bom ano”, acrescentou.

Renan vestirá a camisa americana pela segunda vez. Na primeira, em 2014, participou de 17 partidas na Série B, com um gol marcado e seis assistências. O time fez excelente campanha dentro de campo, mas perdeu seis pontos no STJD pela escalação irregular do lateral-esquerdo Eduardo e encerrou a Segunda Divisão em quinto lugar, com 61 pontos, a um do quarto colocado Avaí. “Infelizmente não conseguimos o acesso em 2014 por detalhes. Mas em 2017 poderemos colocar o América novamente onde merece”, frisou o jogador.

Em 2012, Renan Oliveira teve o sabor de ser campeão da Série B justamente sob o comando de Enderson Moreira. Pelo Goiás, o jogador disputou 27 partidas na competição e marcou seis gols. Foi em função da vitoriosa parceria que o meio-campista retornou ao Lanna Drumond em 2017. “É sempre bom quando a gente conhece o jeito do treinador. Isso facilita bastante. Tivemos passagem vitoriosa pelo Goiás, e isso foi importante para meu retorno ao América. Vou buscar meu espaço”.

No bate-papo com a imprensa, Renan também falou sobre a ansiedade pela reestreia e a previsão de atuar pelo clube – a última partida do jogador vestindo a camisa do Coelho foi em 29 de novembro de 2014, na vitória por 4 a 0 sobre o Sampaio Corrêa, no Independência, pela 38ª rodada da Série B.

Fonte:uai.com

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.


*