ALVO DO SÃO PAULO, PRATTO NÃO ENFRENTA JOINVILLE E SE DESPEDE DO ATLÉTICO-MG

Atacante fala ao lado do presidente, Daniel Nepomuceno, que explica que valor da proposta do Tricolor é considerável e pode significar a 2ª maior venda do clube

 

O Atlético-MG confirmou, o atacante Lucas Pratto confirmou. Mas falta apenas o anúncio oficial. O jogador argentino, de 28 anos, será jogador do São Paulo nas próximas horas. Pouco antes da partida contra o Joinville, pela segunda rodada da Primeira Liga, na qual Pratto estava relacionado, o presidente Daniel Nepomuceno e o próprio jogador concederam entrevista coletiva para adiantar a iminente saída do atleta.

Pratto foi retirado da escalação minutos antes, a pedido do próprio presidente do clube. Daniel Nepomuceno explicou que o negócio ainda não está fechado, que depende de últimos acertos, mas que a venda dos direitos do atacante para o São Paulo será por um valor considerável. O Tricolor deve desembolsar R$ 20,7 milhões por 50% dos direitos econômicos do argentino.

Segundo as palavras do dirigente, as cifras da transação ficariam abaixo apenas da negociação de Bernard com o Shakthar Donetsk, da Ucrânia, que rendeu ao Galo 25 milhões de euros (cerca de 77 milhões), em 2013, e é considerada a maior venda do clube.

– Não tem nada assinado. Mas no momento em que você tira o jogador do jogo você tem que dar um esclarecimento. Chegou uma proposta considerável pelo jogador. O clube já recusou outras propostas pelo Pratto em ocasiões anteriores. Mas o jogador pediu para ser negociado nessa janela entendendo que seria melhor para ele e para o clube. O São Paulo demonstrou no começo da semana que tinha interesse no jogador. Dói perder um ídolo, mas pelo valor que foi, e eu não falo de valores, posso dizer que foi a segunda maior venda do clube – disse o dirigente atleticano.

 

Pouco depois, Pratto falou em tom de despedida e salientou que a proposta foi boa e que pela qualidade do atual elenco alvinegro, o torcedor não sentirá falta do camisa nove.

– Eu sempre falei que se chegasse uma boa proposta para o clube e para mim a gente iria sentar e conversar. E chegou de um clube bom do Brasil. Acho que o elenco está muito forte, principalmente no ataque. E acho que não vão sentir muito a minha saída. Só tenho a agradecer pelo respeito que sempre tive do presidente Daniel, dos meus companheiros, e de todo mundo – disse o argentino.

 

Por fim, Lucas Pratto praticamente confirmou a saída do clube, após duas temporadas vestindo a camisa do Galo.

– Tenho muita identificação com o clube. Peço desculpas à torcida por não ter conquistado um título importante – disse o camisa nove, que se sagrou campeão mineiro, em 2015.

Em campo, o técnico Roger Machado comentou a saída do centroavante. O treinador do Galo evitou lamentar a saída de Pratto e fez questão de valorizar o elenco do clube e o trabalho tático da equipe em função da ausência do argentino.

– Sempre quando sai jogador de qualidade, temos que procurar equilibrar de outra forma. No treino já treinamos uma situação diferente, e a gente vem com jogadores de qualidade em campo para substituí-lo.

 

Fonte:globo.com

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.


*